Preço e valor na compra de novas tecnologias na fisioterapia

Já falamos como é imprescindível agregar valor e não somente preço ao serviço que será oferecido, e a qualidade no atendimento, inquestionavelmente, deve ser o pilar principal.

Os conceitos de preço e valor podem não ser muito recorrentes no dia a dia de um fisioterapeuta empreendedor, mas será que este sabe qual a diferença entre os dois termos? E, mais importante que isto, como aplica-los corretamente para o bom desempenho do negócio, tanto na precificação dos atendimentos quanto no momento de investir em novas tecnologias?

Confira abaixo o que preço e valor significam e qual seu impacto na decisão de compra de novas tecnologias.

Preço:
O preço representa a quantidade de dinheiro que o fisioterapeuta precisa investir na hora de adquirir um novo produto(ex.: Eletromiógrafo, eletroestimulador, baropodômetro, gameterapia). É o número que é exibido no orçamento ou diretamente na loja virtual do fornecedor.

Valor:
Enquanto o preço se baseia em dados “palpáveis” e pode ser quantificado, o valor se refere a algo subjetivo e que varia de pessoa para pessoa: o valor de um mesmo produto pode ser maior ou menor para um ou outro cliente de acordo com a importância que cada um confere para o item em si.

Muitas vezes ao nos depararmos com um produto, logo pensamos no preço que é cobrado pelo mesmo, ou em como faremos para paga-lo, ao invés de pensar se aquele produto gerará algum valor para nós ou nosso negócio. Às vezes não pensamos duas vezes na hora de conseguir dinheiro para trocar de carro, ou comprar uma roupa, que normalmente, com raras excessões, irão agregar algum tipo de valor a nossas vidas.

Existe um conflito de informações no que se diz respeito a gastos e investimentos ao se analisar uma possível compra. Por exemplo, ao pensar em investir R$10.000,00 em uma nova tecnologia, muitos fisioterapeutas já raciocinam quanto podem ganhar em seus atendimentos, sejam de pacientes por convênio ou particulares. Ao invés de pensarem em uma matemática simples analisando somente preço, podem pensar em agregar valor a seus atendimentos perante os pacientes, venderem “seu peixe” junto a classe médica, se destacarem no mercado e aumentar o seu número de atendimentos.

E se a pergunta agora é como faço isso? Então a resposta seria: Pensem fora da caixinha, mudem sua forma de enxergar sua profissão e se valorizem como profissionais perante o mercado. Hoje em dia, com a vida cada vez mais dinâmica, vocês tem quer ter dentro de vocês, uma pessoa que entende um pouco de tudo, seja informática, marketing, administração e com uma veia empreendedora.

Sabe aquela troca de carro ou aquela roupa nova que eu falei no inicio ?  Pois então, eles podem ser alcançados, a partir do momento que você ampliar seu numero de atendimentos e o valor cobrado pelos mesmos. Vocês tem que definir seu publico de atendimento e se não esta sendo o suficiente, mude de publico ou convença o seu a investir na saúde dele.

Portanto, nunca mais se prenda no preço que custa o produto mas sim o quanto você pode ganhar em valor com ela. Sua nova tecnologia irá se pagar e o seu carro será trocado mais rápido do que você imagina. Fica a dica.

Fabiano Ergoni
Diretor Comercial da Miotec

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn1

Miotec - Tecnologia para a vida!

A Miotec tem a missão de entender as necessidades dos pacientes e de desenvolver soluções para dar suporte aos profissionais da área da saúde, para que eles tenham mecanismos mais eficientes a favor dos tratamentos feitos.

Tendo como objetivo a melhoria das capacidades físicas e motoras daqueles que precisam de tratamentos fisioterapêuticos, a Miotec desenvolve diversos produtos para contribuir com a qualidade de vida dos pacientes.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"