Conheça os equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna

As dores nas costas, especialmente no pescoço e na lombar, são muito comuns entre pacientes de todos os tipos. Em média, há 540 milhões de pessoas afetadas por essa queixa. Como profissional da área, é essencial conhecer os equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna.

Diante das possibilidades, é possível garantir que os pacientes tenham mais qualidade de vida e bem-estar. Isso também gera uma atuação completa sobre o problema muscular, o que permite conquistar resultados diferenciados.

A seguir, conheça os principais equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna e entenda como usar cada um.

Mobilizar ou estabilizar coluna?

A estabilização da região vertebral é um processo muito importante e atua como ferramenta terapêutica. Para que seja possível, são realizados diversos procedimentos que visam o fortalecimento dos músculos — tanto os profundos quanto os abdominais.

Em resposta, há uma estabilização das articulações, o que diminui a sobrecarga. Também é um jeito de reduzir o risco de instabilidade e de desgaste, o que contribui para aliviar o nível de dor na coluna.

No entanto, é preciso pensar na mobilização dessa região. Trabalhar a extensão dos músculos facilita o movimento e garante um resultado melhor em relação à estabilização.

Dependendo do quadro do paciente, portanto, é recomendado utilizar uma abordagem que integre os dois elementos. Com a mobilização seguida da estabilização, por exemplo, é possível conquistar um desempenho ampliado.

Quais são as melhores técnicas?

Em princípio, é imprescindível reconhecer as necessidades do paciente antes de recomendar os exercícios. Há uma série de possibilidades e cada uma é indicada para certa especificidade. Desse modo, cabe ao profissional identificar quais são as exigências fisioterapêuticas de cada quadro.

Uma alternativa bastante comum é o alongamento, conforme matéria da National Institutes of Health. Ele pode contar com a ajuda de equipamentos específicos ou ter apenas o peso do corpo como componente principal. Alongamentos cruzados ou para a lombar bem como certos abdominais trabalham os músculos adequados.

Também há os de contração e de ponte, por exemplo. Eles ajudam a estimular certos grupamentos musculares, o que faz com que a coluna ganhe a força necessária. Na maioria das vezes, essas atividades envolvem a extensão de músculos e o seu reforço ao usar o próprio peso do organismo. Como profissional da área, é fundamental orientar os pacientes a seguir a postura ideal, de modo a evitar lesões.

Como dito, cada paciente tem uma exigência não só quanto aos exercícios, mas quanto às séries, frequências e intensidades. Portanto, é indispensável reconhecer quais são os pontos mais importantes e trabalhar para que problemas individuais sejam corrigidos.

Quais equipamentos devo usar?

Além dos treinamentos, é recomendado utilizar equipamentos variados. Em princípio, há aqueles voltados para a prática de atividades específicas, como aparelhos de pilates. Entre as possibilidades, há as mesas de tração e de flexão, que mobilizam e estabilizam a coluna. Também há recursos de eletroterapia, com ação anti-inflamatória e analgésica.

Entretanto, quando os equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna formam o assunto principal, é preciso ir além e pensar no fortalecimento muscular. Nesse sentido, o MioStab é um dos principais métodos.

Ele conta com uma bolsa inflável de material específico que é acoplada a um manômetro. Como resultado, oferece um biofeedback confiável e que ajuda a entender, por exemplo, quais são os efeitos de certos exercícios.

Além disso, é essencial para potencializar o trabalho dos músculos profundos por meio de contrações induzidas e bem controladas. Eles nem sempre são acessados por alguns exercícios e técnicas, então a exigência de algo mais específico é muito importante. O uso é descomplicado e promete máxima eficiência na resolução das dores.

Usar os seus conhecimentos profissionais para aplicá-lo torna-o uma das ferramentas mais importantes no processo de estabilização. Assim, é possível conquistar efeitos positivos em uma grande quantidade de pacientes com diferentes necessidades.

Para o futuro, há algumas tendências que devem ser observadas. Uma das principais possibilidades é a adoção de uma interface amigável ao usuário. Nesse caso, o paciente poderia visualizar a contração do músculo em vez de apenas tê-la mensurada. Como resultado, o biofeedback seria ainda mais preciso, assim como a condução das melhores abordagens.

Quais são os benefícios do MioStab?

Como aparece entre os principais equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna, vale a pena conhecer as vantagens específicas do MioStab. Em primeiro lugar, trata-se de um recurso confiável, desenvolvido com uma tecnologia simples mas capaz de oferecer resultados adequados. Com isso, seu uso ajuda a seguir com a melhor forma de tratamento.

Ele também é bastante fácil de usar, tem baixo custo e elevada durabilidade. Trata-se de algo que pode ser utilizado em academias, clínicas, estúdios de pilates ou mesmo no trabalho ou em casa. Com tanta autonomia, os efeitos são muito favorecidos.

Outro aspecto relevante é que ele não busca agir apenas nos sintomas, como a dor ou o inchaço. Pode-se dizer que a maioria dos pacientes sofre com tal efeito por causa da fraqueza da região abdominal, principalmente. Então, o estímulo adequado dos músculos dá origem a um exercício de fortalecimento completo.

Além de ser um recurso indicado para quem tem dores lombares e cervicais, também atua na prevenção. Com o fortalecimento adequado, é possível evitar dores e lesões em quem trabalha no escritório por um longo período, por exemplo.

Por ser muito seguro, permite que pacientes em todas as condições o utilizem. Independentemente de idade, gênero, fase da dor ou nível de fraqueza, ele pode ser empregado. Já que estimula a contração dos músculos profundos, oferece uma estrutura reforçada ao grupo muscular.

Para melhorar, há a possibilidade de usá-lo tanto na região lombar quanto na área cervical. Assim, ajuda a solucionar os principais quadros relacionados. Logo, pessoas que sentem dores em ambos os pontos são favorecidas com uma solução única que proporciona um atendimento completo às necessidades.

Os equipamentos e técnicas para estabilizar a coluna são essenciais para conseguir bons resultados. Entre todos eles, o MioStab se destaca pela união entre ótimos resultados e facilidade de uso. Então, vale a pena considerá-lo como uma alternativa capaz de ajudar os pacientes.

Para fazer a aquisição, visite o site da Miotec e veja quais são os produtos disponíveis.

Miotec - Tecnologia para a vida!

A Miotec tem a missão de entender as necessidades dos pacientes e de desenvolver soluções para dar suporte aos profissionais da área da saúde, para que eles tenham mecanismos mais eficientes a favor dos tratamentos feitos. Tendo como objetivo a melhoria das capacidades físicas e motoras daqueles que precisam de tratamentos fisioterapêuticos, a Miotec desenvolve diversos produtos para contribuir com a qualidade de vida dos pacientes.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"