Conecte-se

    [/vt_socials]
    Tecnologia na Fisioterapia: porque é cada vez mais importante atualizar seus métodos e equipamentos

    Tecnologia na Fisioterapia: porque é cada vez mais importante atualizar seus métodos e equipamentos

    A utilização de soluções tecnológicas na fisioterapia representam um ganho em conforto, durabilidade e rapidez

     O mundo está se transformando rapidamente e, por isso, aplicar novas tecnologias na fisioterapia nunca foi tão importante. Nos dias de hoje, todos os ambientes são preenchidos por telas e informações digitais (você mesmo está lendo esse artigo em um celular, tablet ou computador, não é mesmo?).

    Ainda assim, em algumas áreas, como nos tratamentos e diagnósticos fisioterápicos, somente agora os profissionais estão entendendo melhor como se “digitalizar” adequadamente. Afinal, entre as dezenas de “inovações” que surgem, existe também a preocupação de estudar e investir em algo que seja verdadeiramente valioso, não é mesmo?

    Se você já sentiu que precisa se renovar, conhecer mais novas tecnologias ou melhorar a forma como trabalha, continue a ler esse post e entenda como é essencial saber quais tecnologias você deve priorizar!

    Fisioterapia e tecnologia: Duas décadas de transformação

    Nas últimas décadas, vivemos uma verdadeira “Revolução” tecnológica. No começo dos anos 2000, itens “tecnológicos” eram artigos de luxo, como celulares, aparelhos de gps, etc. Apenas duas décadas depois estamos tão cercados por eles que muitas vezes nem percebemos o quanto estão presentes em nossas vidas, em celulares, na internet e nos “gadgets” que estão por toda parte.

    Na área da saúde é diferente: inaladores, medidores de pressão e saturação sanguínea, e vários outros aparatos eletrônicos podem ser comprados na farmácia ou rapidamente, pela internet. Ainda assim, quando falamos em fisioterapia, muitos profissionais ainda não vislumbram como a tecnologia pode e deve ser incluída na sua rotina profissional. 

    Muitos sabem e vêem que o mercado está em transformação, mas ainda não entendem claramente o quanto é necessário se atualizar, nem os custos de renovar os métodos, conhecimentos e equipamentos para oferecer os melhores tratamentos.

    Que tecnologias valorizar na Fisioterapia?

    Quando observamos a atuação dos fisioterapeutas, duas questões vêm à tona: o investimento necessário para adotar uma tecnologia – uma combinação tempo, com novos aprendizados necessários, e recursos, para a aquisição de equipamentos – versus o retorno que ela proporciona, tanto para o profissional quanto para o paciente.

    Além de acompanhar o ritmo das transformações, atualizar-se pode oferecer diversas vantagens em otimização de processos, percepção de valor pelos pacientes e tratamentos melhores, incluindo aí a diminuição no tempo gasto com diagnósticos e procedimentos, e um ganho no custo-benefício de cada sessão.

    Assim, uma clínica ou consultório de fisioterapia não pode dispensar atualizações. Mas o que valorizar, então, na hora de se atualizar? Quanto investir? Veja o que você deve observar quando pensa em tecnologias para profissionais de fisioterapia:

    – Tecnologia deve ser investimento, então procure algo que dá retorno

    Na fisioterapia, a tecnologia já mostrou que veio para ficar. Atualize-se constantemente e busque inovações que possam agregar valor, visibilidade e qualidade ao seu trabalho profissional! Uma destas tecnologias é a eletromiografia. Ao permitir que o fisioterapeuta veja em uma tela como os músculos estão se comportando em atividade e em repouso.

    – Não confunda as tecnologias: geralmente o barato sai caro

    Um aparelho capaz de realizar eletromiografias de verdade, por exemplo, permite ao profissional ampliar seu leque de tratamentos, indo do biofeedback à reeducação pélvica com suporte de imagem e realidade virtual. Tecnologias incompletas, por outro lado, vão limitar o seu trabalho, te impedir de avançar e certamente levam à perda de credibilidade profissional com o tempo.

    – avalie o retorno no longo prazo

    Todo investimento precisa ser pensado quanto ao que ele oferece de volta. Se você escolhe tecnologias que realmente funcionam, são confiáveis e duradouras, o retorno delas será contínuo por anos a fio. Tenha isso na ponta do lápis: seus tratamentos vão lhe render mais a cada sessão? Os exames diagnósticos serão possíveis? E novos tratamentos, chancelados por planos de saúde, quais você poderá realizar?

    – como ficará a sua imagem frente aos pacientes?

    Investindo em tecnologia o fisioterapeuta estará atendendo às necessidades de seus clientes. São eles que de fato pagam as contas, indicam e legitimam o trabalho do profissional e vão atestar a qualidade do seu trabalho e das tecnologias que você disponibiliza. Tratamentos inovadores e  aceitos e interessantes, levando com que o paciente se empenhe mais em cumprir as metas e as tarefas, acelerando, portanto, o processo de recuperação.

    – busque sempre qualidade

    Procure equipamentos que associam durabilidade, design e resistência, e acima de tudo, que tenham todas as licenças e certificados oficiais. Isso evita riscos à sua imagem, da sua clínica e garante que você tenha em mãos a ferramenta adequada para o trabalho que realiza.

    Conclusão

    Os avanços tecnológicos são inevitáveis, e inovações precisam ser contempladas pelo benefício que proporcionam. Em nível profissional, essa é a regra de ouro: busque inovações que tragam benefícios para o paciente, e logo você irá cativar e fidelizar um público.

    Das análises ao tratamento, mapear de maneira precisa uma disfunção, ser mais assertiva e agir diretamente no problema, e não em seus efeitos. Alie a isto à durabilidade, atratividade, assertividade, rapidez e conforto que as novas tecnologias podem trazer para ambiente de trabalho, e você estará à frente no mercado e aos olhos dos clientes. Não apenas por parecer ser melhor, mas por de fato oferecer o que há de mais moderno no mercado e atender por completo as necessidades dos pacientes.

    A Miotec tem a missão de entender as necessidades dos pacientes e de desenvolver soluções para dar suporte aos profissionais da área da saúde, para que eles tenham mecanismos mais eficientes a favor dos tratamentos feitos. Tendo como objetivo a melhoria das capacidades físicas e motoras daqueles que precisam de tratamentos fisioterapêuticos, a Miotec desenvolve diversos produtos para contribuir com a qualidade de vida dos pacientes.

    Ad
    Ad
    Ad
    Ad

    A Miotec

    Fundada em 2002, a MIOTEC atua na área da saúde, desenvolvendo, produzindo e comercializando ferramentas tecnológicas direcionadas à pesquisas e terapias de prevenção, reabilitação e monitoramento, objetivando melhoria do bem-estar e do desempenho físico humano.

    Conecte-se

    Instagram

    ×