Conecte-se

    [/vt_socials]
    Avaliação da qualidade de vida: saiba o passo a passo de como fazer

    Avaliação da qualidade de vida: saiba o passo a passo de como fazer

    • 25 de julho de 2019
    • por

    A avaliação da qualidade de vida dos pacientes tem sido cada vez mais utilizada na área de saúde. O principal objetivo é obter informações sobre a evolução do paciente e orientação quanto ao tratamento mais indicado para alcançar melhores resultados.

    Para tanto, médicos e fisioterapeutas adotam os questionários como ferramentas de avaliação. Um dos formatos mais utilizados é o SF-36 (Medical Outcomes Study 36 – Item Short – Form Health Survey), um instrumento de medição genérica de fácil compreensão e administração para avaliar a qualidade de vida.

    Neste artigo, vamos comentar sobre essa ferramenta e apresentar um passo a passo para realizar a avaliação da qualidade de vida dos pacientes. Acompanhe!

    Entenda a importância de avaliar a qualidade de vida dos pacientes

    Muitos pacientes apresentam restrições físicas e deficit funcionais. Entretanto, é importante considerar que a reabilitação envolve muito mais do que apenas uma doença. É preciso reconhecer que o paciente não é só um joelho, uma neuropatia ou uma hérnia de disco.

    As limitações físicas refletem na saúde emocional e podem provocar quadros de depressão e distúrbios de comportamento, que são fatores de grande impacto sobre a qualidade de vida dos pacientes. Nesse sentido, o SF-36 se apresenta como uma valiosa ferramenta para complementar o trabalho de avaliação realizado pelo fisioterapeuta.

    Faça um questionário para a avaliação da qualidade de vida

    Esse questionário é multidimensional, composto de 36 questões. Uma delas mede a transição do estado de saúde referente ao período de um ano e não é considerada no cálculo das escalas. Já as demais são agrupadas em oito dimensões (domínios). As pontuações mais altas mostram um melhor estado de saúde.

    O tempo para preenchimento do questionário (5 a 10 minutos) e a sua versatilidade de aplicação (autopreenchimento, entrevistas telefônicas ou presenciais) o transformam em um instrumento bem estruturado.

    Além disso, a tradução do SF-36 para a língua portuguesa, a sua adequação às condições sociais e culturais do Brasil, bem como a sua validação comprovada pela pesquisadora Rozana Mesquita Ciconelli fazem com que ele seja um parâmetro adicional muito útil para avaliar diversas patologias.

    Agrupe as perguntas

    Conforme comentamos, as questões devem divididas em grupos para direcionar a análise destas oito dimensões:

    Considere as escalas

    O questionário apresenta um escore final que vai de 0 (zero) a 100 (resultante do cálculo do Raw Scale), em que o zero corresponde ao pior estado geral de saúde e o 100, ao melhor. Para calcular o domínio, aplica-se a fórmula abaixo, conforme o SF-36 traduzido para o português.

    Domínio = Valor obtido nas questões correspondentes – limite inferior X 100

    Variação (Score Range)

    Efetue o mapeamento dos dados

    Com base nos dados levantados sobre cada um dos domínios, faça um mapeamento. Nessa fase, é possível cruzar as informações para obter outros tipos de análises.

    Analise os resultados

    Após fazer a tabulação dos dados, é realizada a análise dos resultados considerados em porcentagens de 0 a 100 — quanto mais perto de 100%, melhor o nível de qualidade de vida.

    O fato de o questionário ser voltado para o impacto da patologia sobre a qualidade de vida em vez de se preocupar com a doença ou com os seus sinais clínicos é o seu grande diferencial. Nesse sentido, ele é um instrumento importante com o qual o profissional de fisioterapia pode contar para auxiliar no processo de reabilitação dos pacientes com uma visão humanizada e holística.

    Como mostramos, a avaliação da qualidade de vida dos pacientes tem sido cada vez mais utilizada na área de saúde, sendo importante saber como efetuá-la. Para isso, é imprescindível adotar um instrumento de avaliação a fim de otimizar o tratamento e conseguir resultados melhores.

    Gostou deste artigo? Então, deixe o seu comentário e compartilhe sua opinião conosco!

    A Miotec tem a missão de entender as necessidades dos pacientes e de desenvolver soluções para dar suporte aos profissionais da área da saúde, para que eles tenham mecanismos mais eficientes a favor dos tratamentos feitos. Tendo como objetivo a melhoria das capacidades físicas e motoras daqueles que precisam de tratamentos fisioterapêuticos, a Miotec desenvolve diversos produtos para contribuir com a qualidade de vida dos pacientes.

    Ad
    Ad
    Ad
    Ad

    A Miotec

    Fundada em 2002, a MIOTEC atua na área da saúde, desenvolvendo, produzindo e comercializando ferramentas tecnológicas direcionadas à pesquisas e terapias de prevenção, reabilitação e monitoramento, objetivando melhoria do bem-estar e do desempenho físico humano.

    Conecte-se

    Instagram

    ×