Conecte-se

    [/vt_socials]
    Acolhimento em saúde: a precisão da tecnologia alinhada às necessidades humanas

    Acolhimento em saúde: a precisão da tecnologia alinhada às necessidades humanas

    O acolhimento é necessário para melhorar a saúde e bem-estar das pessoas que procuram o serviço de saúde; a Miotec une a assertividade trazida pelas tecnologias e o respeito às necessidades humanas em seus equipamentos

    O acolhimento é um importante fator para a promoção da saúde e bem-estar de um paciente. Quando incorporado às práticas da área saúde, dá ao profissional de fisioterapia, medicina, odontologia entre outros, a chance de se aproximar de resultados mais fidedignos durante a realização de exames e potencializar as chances de melhora e cura de uma doença ou disfunção. Esta também é uma percepção da fisioterapeuta pélvica Cris Carboni.

    Em recente conversa com o blog da Miotec, Carboni elencou a importância de se ter tecnologias acolhedoras. Na ocasião, ela tratava sobre como o fator emocional interfere no padrão miccional e no exame de urofluxometria.

    O mundo, entendendo a importância de respeitar o princípio da dignidade humana passou a recomendar o uso preferencial por procedimentos investigativos e terapêuticos considerados não invasivos.

    Isso significa que, havendo chances para que uma pessoa realize um procedimento como a urofluxometria, por exemplo, em detrimento da urodinâmica, deve-se optar pelo primeiro, pois elimina a necessidade de catéteres na uretra e no ânus. Além disso, evita-se o risco de possíveis infecções urinárias.

    Vale ressaltar, também, que em vários tipos de análises clínicas o conforto e bem-estar do indivíduo interfere na precisão do resultado obtido

    Acolhimento: uma conduta ética

    Acolhimento significa abrigo ou maneira de ser recebido. Na língua portuguesa, a palavra é classificada como substantivo abstrato, pois é um sentimento e não existe materialmente. Já na saúde, deve se tratar de um imperativo categórico, ou seja, o termo deve pautar as ações dos diversos profissionais da área, por representar uma necessidade humana.

    O Sistema Único de Saúde (SUS) entendeu que este sentimento deve ser contemplado desde a atenção básica até em procedimentos mais complexos. Por isso, incorporou a ação de acolher o paciente e suas necessidades em suas diretrizes, como forma de chegar a um atendimento mais humanizado.

    A postura, considerada um parâmetro ético, dá ao paciente o status de protagonista. Portanto, parte do princípio de que a escuta das queixas, vindas das diversas esferas da vida do indivíduo, é importante para a resolução dos problemas.

    Acolhimento não é somente receber bem

    A humanização da saúde passou a ser uma das reivindicações por parte das pessoas, visto que as enfermidades, além do aspecto inflamatório, infeccioso, de anomalias e etc, carregam uma demanda emocional, que precisa ser atendida.

    Uma pessoa com incontinência urinária traz consigo não somente o problema de liberação involuntária de urina, mas também a vergonha e traumas decorrentes da situação pela qual é acometida.

    Alguns consultórios ou locais utilizados por profissionais da saúde entenderam que o ato de acolher ganha concretude a partir de medidas administrativas. Por isso, incorporaram em seus estabelecimentos uma sala de recepção mais aconchegante. Apesar de ser válida, esta ação representa apenas parte da demanda.

    Simplificar tal necessidade humana a apenas um cômodo implica em dois problemas:

    • produzir filas grandes de atendimento;
    • os números de atendimentos importam mais do que as pessoas.

    As inovações e o aprimoramento da capacidade humana

    A invasão da tecnologia na vida humana representou uma revolução nos mais diversos campos da ciência. Na saúde, não foi diferente. Os processos, fruto de exames e tratamentos, ficaram mais rápidos, precisos e até mesmo seguros.

    O diagnóstico por imagem é prova disso. Antigamente, antes da invenção da radiografia, datada do século XIX, tomografia, ressonância magnética e outros, algumas doenças eram investigadas com o médico apalpando o paciente ou por meio de intervenções cirúrgicas. Neste último caso, o risco de morte era bastante alto, dada as condições precárias de higiene.

    Acolhimento como pauta das tecnologias da Miotec

    A Miotec acompanha a evolução da tecnologia, mas não deixa de lado o caráter humanístico da saúde. Logo, tenta incorporar em seus equipamentos, além da precisão e velocidade dos resultados, o respeito, a empatia e o acolhimento do paciente.

    O New Miotool de 4 ou 8 canais é um dos aparelhos que se enquadra no parâmetro. Além de oferecer a mais pura eletromiografia, permite exames que vão do uso de sondas externas a modelos intracavitários específicos para cada finalidade e de variados tamanhos.

    Outro ganho está em permitir leituras que não se restringem apenas ao biofeedback, abrindo a oportunidade de tratamentos mais humanos e eficazes, como a gameterapia, na qual o paciente se envolve de maneira lúdica nos tratamentos, diminuindo o tempo de recuperação e com maior interesse e assiduidade.

    Por meio do software BioTrainer, por exemplo, é possível tornar-se um guitarrista, um maquinista e eliminar obstáculos do trilho do trem, transportar-se para uma fazenda ou para o espaço e muito mais. Tudo isso, promove o conforto e diminui as chances de abandono, aumentando e acelerando a probabilidade de melhora em relação ao problema.

    O Mioflux é outro grande exemplo. O urofluxômetro da Miotec, por conta de seu tamanho reduzido, possibilita o transporte para qualquer cômodo do consultório e, dessa forma, respeita a intimidade da pessoa que o utiliza. Em conjunto com o New Miotool Wireless, o paciente pode urinar em uma sala à parte, com mais conforto e privacidade. Ah, e o funcionamento é bem fácil! Bastam apenas três passos: configurar os sensores, coletar a urina e gerar o resultado, sem demoras nem constrangimentos.

    A Miotec ainda conta com tecnologias para tratar disfunções relacionadas ao assoalho pélvico e estabilização de coluna e sempre busca estimular e mostrar para os que fazem uso de suas tecnologias a evolução durante o período de tratamento.

    E você? Qual a sua experiência com tecnologias acolhedoras? Conte para a gente nos comentários e compartilhe esse texto com quem precisa saber mais sobre o assunto!

    A Miotec tem a missão de entender as necessidades dos pacientes e de desenvolver soluções para dar suporte aos profissionais da área da saúde, para que eles tenham mecanismos mais eficientes a favor dos tratamentos feitos. Tendo como objetivo a melhoria das capacidades físicas e motoras daqueles que precisam de tratamentos fisioterapêuticos, a Miotec desenvolve diversos produtos para contribuir com a qualidade de vida dos pacientes.

    Ad
    Ad
    Ad
    Ad

    A Miotec

    Fundada em 2002, a MIOTEC atua na área da saúde, desenvolvendo, produzindo e comercializando ferramentas tecnológicas direcionadas à pesquisas e terapias de prevenção, reabilitação e monitoramento, objetivando melhoria do bem-estar e do desempenho físico humano.

    Conecte-se

    Instagram

    ×